domingo, 10 de julho de 2011

Linda história

A moça da foto se chama Katie Kirkpatrick, de 21 anos. Ao lado dela está o noivo, Nick, de 23. A foto foi tirada pouco antes da cerimônia de casamento dos dois, realizada em 11 de janeiro de 2005 nos Estados Unidos. Katie tem câncer em estado terminal e passa horas por dia recebendo medicação. Na foto Nick aguarda o término de mais uma destas sessões...
Apesar de sentir muita dor, de vários órgãos estarem apresentando falência e ter que recorrer à morfina, Katie levou adiante o casamento e fez questão de cuidar do máximo de detalhes. O vestido teve que ser ajustado várias vezes, pois Katie perde peso todos os dias devido ao câncer...
Um acessório inusitado na festa foi o tubo de oxigênio usado por Katie. Ele acompanhou a noiva em toda a cerimônia e na festa também. O outro casal da foto são os pais de Nick, emocionados com o casamento do filho com a mulher que namorou desde a adolescência
Katie, sentada em uma cadeira de rodas e com o tubo de oxigênio, ouve o marido e os amigos cantarem para ela.

No meio da festa Katie tira um tempo para descansar. A dor a impede de ficar de pé por muito tempo.
Katie morreu 5 dias após o casamento. As fotos venceram um concurso americano de jornalismo. De qualquer forma, ver uma menina tão debilitada vestida de noiva e com um sorrisão nos lábios faz a gente pensar se a vida É MESMO TÃO COMPLICADA. Por isso eu repito: Podendo descomplicar... NÃO COMPLIQUE. Não sabemos ATÉ QUE DIA teremos ao nosso lado, a pessoa que AMAMOS...


4 comentários:

Blog "By the Glamorous" disse...

Já recebi isso como email.
A historia é muito emocionante :')

Pode seguir meu blog, flor?

Beijos,
http://bytheglamorous.blogspot.com

Nubia Santos disse...

Que lindoooo ;)
Seguindo o blog

http://eupossofazeradiferenca.blogspot.com/

Caroline Rocha disse...

Noooooossa! Que história viu... Chega os olhos enchem de lágrimas

Já estou de seguindo viu flor?
beeeijao

*♡* Jane dos Anjos *☆* disse...

Que linda historia, fiquei emocionada agora, mais fiquei feliz por ela ter ao menos conhecido o amor antes de partir... quantas se vão sem ao menos antes sentir o sabor de ser amada, tenho certeza que ela morreu feliz!! Bjks

Postar um comentário